Photo | Off Sight | Pilar em Ruínas

Nas escarpas da Serra do Pilar, mesmo sobre o Douro, encontramos um casario abandonado, tristonho e decadente. A cada passo víamos marcas de presença recente de pessoas. Turistas também, afinal de contas também nós estávamos a explorar aquele local. Mas era mais do que isso. Era vida que havia ali. Um ligeiro arrepio percorria a nossa espinha por não sabermos o que ou quem encontraríamos por ali, no meio de pequenas divisões e de muito, muito lixo acumulado.





Esta encosta é uma verdadeira mina para quem procura locais abandonados: habitações degradadas, uma antiga fábrica de cerâmica e a capela do Senhor D'Além. Actualmente esta encontra-se emparedada, mas segundo o que li aqui, até 2014 era mantida por dois senhores sem-abrigo que a mostravam a quem a quisesse ver, mesmo no estado de degradação em que se encontrava. E pareceu-nos que hoje em dia ainda há quem se preocupe em mantê-la - ou assim parecia pelo senhor que estava a pintar as paredes que cobrem a porta e que aparentava viver ali. A Catarina conta-vos melhor esta história no post dela.





A verdade é que este Off Sight foi, sem dúvida, o que mais nos "expôs". Era evidente que estas casas, outrora certamente cheias de vida e com uma vista linda para o Porto, eram hoje abrigo e local de estadia de quem não tinha mais por onde parar. Voltamos a ver o estado degradante a que conseguimos deixar-nos cair. E, confesso, o susto de ouvir passos no piso de cima ou de nos cruzarmos com uma senhora a sair da porta branca que vos mostro acima foi suficiente para me deixar a pensar duas vezes se é de facto boa ideia andarem duas "aventureiras" de câmera na mão nestas andanças. Em todo o caso, por sorte ou coincidência, todos os nossos sustos foram infundados.





Por onde terão andado as restantes fotógrafas de serviço/exploradoras destemidas? Espreitem tudo nos seus posts!


Que acharam dos clicks deste mês? Aventurei-me no P&B e confesso que gostei do resultado!


10 comentários :

  1. Adorei o post e as fotos estão maravilhosas, é incrivel pensar nas pessoas que ai viveram e como aí construíram uma vida.
    Achei curioso haver pessoas que ainda se preocupam em manter um sítio para os outros.
    Parabéns pelo teu trabalho.

    Beijinhos

    Sweet Diy´s with Maria

    Instagram

    ResponderEliminar
  2. Como já disse no post da Catarina, deixa-me muito triste que existam pessoas a viver nessas condições ou até mesmo na rua... :(
    Continua a ser interessante ver os "dois lados da mesma moeda": as tuas fotos e as da Catarina! É impressionante terem visões tão díspares tendo fotografado o mesmo sitio. Estão as duas de parabéns. :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. OMG Jiji, a primeira e ultima fotos deixaram-me sem respiração, o nevoeiro, o ar de mistério está top dos tops :D
    Caraças que susto hein? Mas acho que essa adrenalina faz parte deste hobbie de fotografar lugares abandonados, o mais importante é que no final não vás parar à esquadra nem que um morador louco saia com uma faca atrás de ti :P

    Viver a Viajar

    ResponderEliminar
  4. As tuas fotos estão um arraso Jiji! Adoro estes teus "off-sight". *3*

    ResponderEliminar
  5. Gosto muito que tenhas optado pelo p&b. Dá uma aura romântica às fotos, que estão muito bonitas!

    ResponderEliminar
  6. Incrível como com a mesma realidade apresentam uma reportagem fotográfica tão diferente. É interessante as cores presentes nas fotografias da Catarina e o teu registo todo a preto e branco. Gostei sobretudo da fotografia da janela rodeada de plantas.

    ResponderEliminar
  7. Adoro estas imagens, adoro que vejam a beleza das pequenas coisas e o preto e branco tornou tudo mais bonito!
    THE PINK ELEPHANT SHOE // GANHA UM MEGA CABAZ DE VERÃO

    ResponderEliminar
  8. Bem, desta vez abusaste! Essas fotos até arrepiam!
    Provavelmente essas pessoas já estão habituadas a ter curiosos por essas bandas. O Porto é uma cidade turística, certamente não foram as únicas a ir lá. Eu acho que esse vosso projecto é muito bom, principalmente porque mostra imensas histórias e realidades. :D
    let's do nothing today

    ResponderEliminar
  9. As tuas fotos estão tão melancólicas (pela cor, talvez) e ternas (pela luz que se percebe a afagar as coisas, mesmo com a ausência de cor). Gosto da forma como perseguiste a luz (também já me vou conseguindo, cada vez mais, fixar nela para as fotos, procurá-la). Adoro a tua composição, porque tens o cuidado de mostrar o antes do objeto que estás a fotografar, e isso acrescenta-lhe um contexto que torna tudo mais real.E o teu texto, o vosso susto... de facto, não somos boas da cabeça porque é mesmo, mesmo arriscado andar em alguns lugares (e também já tenho sentido isso no off sight). Sou tua fã (espera, já tinha dito isto antes, não tinha?). :D

    ResponderEliminar